15-09-2012 às 17:08

Morre aos 89 anos o poeta italiano Roberto Roversi

O poeta italiano Roberto Roversi, que fundou a revista «Officina» juntamente com o realizador de cinema Pier Paolo Pasolini, morreu na sexta-feira em Bolonha, cidade em que nasceu, aos 89 anos, informou hoje a sua família.

Os seus familiares informaram que de acordo com o desejo do poeta não haverá velório nem funeral. Após saber do falecimento, o presidente da República, Giorgio Napolitano, expressou a sua tristeza e em mensagem enviada aos parentes disse que Roversi foi «um sensível intérprete» da mudança da sociedade italiana, das suas inquietações e transformações.

Nascido em Bolonha, a 28 de Janeiro de 1923, Roversi alistou-se entre os partisan aos 20 anos e combateu na Resistência contra o fascismo na região do Piemonte.

Em 1955, fundou a revista «Officina» ao lado do também já falecido Pasolini e do escritor e poeta Francesco Leonetti, e em 1961 criou a «Rendiconti». Em 1948, abriu a histórica livraria bolonhesa Palmaverde, que funcionou até 2006.

Roversi foi autor de algumas das mais famosas canções do cantor italiano Lucio Dalla e do grupo Gli Stadi. Na sua longa vida literária, escreveu cerca de 50 livros, entre poemas, romances e peças para o teatro.

  • Imprimir
  • Partilhar

Comentários

Todos os comentários estão sujeitos a moderação. O DD reserva-se o direito de apagar os comentários que não cumpram as regras de utilização. Os comentários publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores.
PUB
PUB

Mundial 2014

Nelson Mandela 1918-2013

Orçamento Estado 2015

Autarquicas 2013

Síria

CONSULTE OS NOSSOS CANAIS | Newsletter | RSS | Twitter | Facebook | Sapo

Ficha Técnica | Estatuto editorial | Contactos